terça-feira, 1 de julho de 2008

1980s

A década de 80, sobretudo em seu final, testemunhou uma grande ruptura na ordem mundial. A queda do muro de Berlim, a vitória da política liberalista de Reagan e Thatcher e o prenúncio do iminente fim da ex-União Soviética marcaram definitivamente a sociedade atual.
Não houve uma estética predominante nos anos 80, mas diversos tipos de mobiliário.

Por influência do movimento punk, no final dos anos 90, o designer
Ron Arad projetou um mobiliário ousado e forte. Para tanto, utilizou metais, para reforçar esse conceito.
A cadeira à esquerda, por exemplo, apesar da leveza da forma proporcionada pelas finas chapas de aço, tem um caráter de austeridade, provocado pelo material. As cadeiras têm uma função estética predominante, apesar de algumas da série serem funcionais.

A Cadeira do Pensador, do designer Jasper Morrison, é feita com curvas bastante orgãnicas. A cadeira, além de ser elegante, é confortável e tem um design inovador nos braços.
Morrison diz que não só a aparência é importante no design, mas também o processo de fabricação e seus custos.





Shiro Kuramata é um dos mais importantes designers japoneses na área do mobiliário do século XX. Ele é conhecido pela leveza e graciosidade de seus móveis, características obtidas por causa dos materiais utilizados, que, por si só, já transmitem a idéia de um design mais clean.











A cadeira Miss Blanche é feita de acrílico com flores de papel. Essas flores nos remete à cultura oriental japonesa, onde era usual a representação de flores típicas nas obras de arte.
O material proporciona diversos efeitos, ao ser submetido à luz.
Tudo isso somado à geometria da cadeira faz ela ter um conceito bastante delicado e feminino.















Bibliografia específica
http://en.wikipedia.org/wiki/Jasper_Morrison
http://www.designboom.com/portrait/kuramata.html

Um comentário:

Isabel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.